Homem é executado na frente da irmã dentro de bar em Coronel Fabriciano

0
673

CORONEL FABRICIANO – Um homem foi assassinado na noite desta sexta-feira (14), na Rua Geraldo Rodrigues Soares, 93, bairro Júlia Kubitschek. Militares foram acionados por volta das 21h24, onde populares informaram que havia ocorrido disparos de arma de fogo, que um cidadão teria sido alvejado.

As guarnições deslocaram e encontraram caído ao solo o Wanderson Gomes da Martins, 43 anos. A irmã de Wanderson, relatou que ela e mais dois amigos e irmão(vítima),se encontravam bebendo em um bar, momento que surgiu um cidadão com capuz na cabeça e, de arma em punho aproximou-se de seu irmão e começou atirar, ela e os demais saíram correndo, no desespero não viu características do autor, não sabendo precisar rota de fuga após o crime.

O proprietário do bar, relatou que na mesa havia vários clientes, que só ouviu barulho de tiro, e a vítima caída ao solo, sangrando muito. Informação de uma testemunha à PM, que um presidiário teria jurado Wanderson de morte e segundo a polícia, consta que o suspeito saiu da cadeia às 13 horas. Diante de tal informação, uma guarnição foi à residência do acusado, sendo ele encontrado em seu domicílio, tendo negado qualquer participação na morte de Wanderson.

O perito Matheus realizou os trabalhos de praxe, em princípio, a vítima foi alvejada com perfurações na face, axila direita e uma no braço direito. Não foi possível precisar o calibre utilizado.

Segue diligências da polícia para desvendar autoria e motivação. Wanderson Gomes da Martins tinha antecedentes por Porte de arma branca (2018); Tráfico de drogas(2017); Cumprimento de prisão (2016); Vias de fato/Agressão (2015, 2011); Lesão corporal (2012); Ameaça(2011) e Ameaça(2015, 2014). Cumpriu pena de 04 anos por homicídio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui